domingo, 27 de outubro de 2013

Pesquisa capixaba mostra Dilma e Aécio literalmente empatados na corrida ao planalto



Aécio e Dilma
A corrida ao Palácio do Planalto em 2014 promete ser bastante acirrada no Espírito Santo, onde os eleitores estão divididos entre a presidente Dilma Rousseff e o provável candidato do PSDB, Aécio Neves. Uma pesquisa realizada pela empresa Enquet, de Vitória, e divulgada pelo jornal A Tribuna mostra a petista e o tucano com uma vantagem de apenas 0,3% para Dilma: 26,8% contra 26,5%.
Neste cenário, o governador de Pernambuco e pré-candidato pelo PSB, Eduardo Campos, tem 12,4% dos votos. Sua nova aliada, a ex-senadora Marina Silva, não teve o nome testado na pesquisa. Já o ex-governador paulista José Serra, apesar da pouquíssima chance de ser escolhido pelo PSDB para se lançar no lugar de Aécio, mostra resistência no Estado. Com ele na disputa, Dilma ganha vantagem (27,5%) e é seguida pelo tucano (21,1%), enquanto Campos cresce: 17,1%.
No cenário com Aécio, 14,4% dos capixabas – ou moradores do Estado – ouvidos no levantamento afirmaram que hoje votariam branco ou nulo, enquanto 19,9% disseram ainda não ter um candidato ou não opinaram. Com Serra na disputa, o percentual de brancos ou nulos foi de 12,9% e a dos que não sabem ou não opinaram, de 21,4%. A margem de erro da pesquisa é de 2,7 pontos percentuais.
Rejeição
O nome de Dilma lidera a lista de candidatos que os eleitores disseram não querer voltar de jeito nenhum. A presidente aparece com 40,1% de rejeição. José Serra é o segundo no ranking, com 18,5%, seguido pelo governador pernambucano, que tem 7,9%. O percentual de eleitores que não rejeitam nenhum candidato é de 11,4% e entre os que não sabem ou não opinaram estão 14,9%. 
Captura de Tela 2013-10-27 às 14.58.13
Foto Arte: Jornal A Tribuna