sexta-feira, 1 de novembro de 2013

Vitor Belfort planeja chegar aos 40 em atividade no UFC



Vitor Belfort

Atração principal do primeiro evento do UFC em Goiânia, Vitor Belfort, aos 36 anos, continua em alta na maior organização de MMA do mundo. Número dois no ranking do peso médio, atrás de Anderson Silva, primeiro desafiante, e do campeão Chris Weidman, o Fenômeno projeta vida longa no octógono. E cita como exemplo aquele que será o próximo rival, o veterano Dan Henderson, 43, contra o qual disputará a luta mais importante da programação do UFC Fight Night 32, em 9 de novembro, na Arena Goiânia.
Para Belfort, Dan Henderson e o ex-campeão Randy Couture, que abandonou o octógono aos 45 anos, são exemplos de longevidade no esporte. O Fenômeno considera que ainda tem muito a mostrar no MMA e pensa em voltar a disputar o cinturão. Aposentadoria para ele, neste momento, é algo que nem passa pela cabeça.
”Eu acredito em diversão. Quando eu caminhar para o octógono e não sentir o prazer e a adrenalina, eu acho que será o momento de parar”, declarou o brasileiro em entrevista ao site MMA Junkie. “Eu planejei chegar aos 40, gosto de planejar coisas. Eu acredito que quanto mais você planeja, mais você alcança sucesso”, enfatizou.
Campeão do UFC em duas categorias de peso – em 1997 ganhou o torneio dos pesados ao bater Scott Ferrozzo e em 2004 tirou o cinturão de Randy Couture nos meio-pesados -, Vitor Belfort vem de quatro triunfos seguidos na divisão dos médios, mas ainda não convenceu o presidente do Ultimate, Dana White, de que merece disputar o título. Com isso, ele aceitou encarar Dan Henderson como meio-pesado e disse estar aberto a lutar contra qualquer oponente.
”Eu estou aberto, e Deus vai me dizer o que eu tenho que fazer. Eu adoro a minha profissão, e lutar é um negócio para mim. Você só consegue trabalhar com coisas que sente prazer e aprecia. Assim você acorda todos os dias disposto a trabalhar pesado”, afirmou o Fenômeno, que teve o nome falado como futuro oponente de Lyoto Machida no peso médio, como confirmou o próprio Dragão, mais novo integrante da categoria.
Vitor Belfort terá a revanche contra Dan Henderson, depois de um duelo pelo PRIDE 32, em 2006, em Las Vegas, quando ‘Hendo’ venceu por decisão unânime dos juízes. Os dois trilharam caminhos diferentes: enquanto o Fenômeno passou por Cage Rage e Affliction, antes de retornar ao UFC, o veterano americano conquistou o cinturão dos meio-pesados do extinto Strikeforce.

UFC Fight Night 32

9 de novembro

Arena Goiânia, em Goiânia

Card principal

Vitor Belfort x Dan Henderson
Cezar Mutante x Daniel Sarafian
Rafael Feijão x Igor Pokrajac
Paulo Thiago x Brandon Thatch
Santiago Ponzinibbio x Ryan LaFlare
Rony Jason x Jeremy Stephens

Card preliminar

Godofredo Pepey x Sam Sicilia
Thiago Bodão x Omari Akhmedov
Thiago Tavares x Justin Salas
Adriano Martins x Daron Cruickshank
José Maria No Chance x Dustin Ortiz