segunda-feira, 17 de março de 2014

Gestão Paulo Garcia (PT) em desgraça: MP-GO denuncia formação de quadrilha na Comurg

Gestão Paulo Garcia (PT) se afunda com reprovação record de 68,7% e múltiplas ações na justica

Paulo Garcia e Luciano Castro
A gestão do prefeito Paulo Garcia em Goiânia bate record de reprovação segundo dados da pesquisa Grupom/Tribuna do Planalto divulgados neste final de semana. Não bastasse isso, a administração do petista Paulo Garcia também bate record de escândalos e ações na justiça. Só para citar algumas delas, lembramos os casos da Secult, AMMA e Comurg.
Confira dados da pesquisa Grupom sobre reprovação do prefeito Paulo Garcia em Goiânia!
Reprovação Paulo Garcia
As investigações do Ministério Público Estadual sobre desvios na Comurg, já transformadas em ações na Justiça, alcançam, somadas, valor superior a R$ 570 milhões. A informação é do promotor Fernando Krebs, da área de proteção do patrimônio público, autor dessas ações. Apenas em uma das ações o promotorFernando Krebes mostra uma tabela detalhada (Confira aqui a íntegra da ação do MP-GO) apontando mais de R$ 18 milhões de prejuízos aos cofres da Comurg causados pela gestão de Luciano de Castro no órgão.
Veja a tabela detalhando prejuízos à Comurg que o MP-GO apresentou à justiça!
Prejuízos da Comurg
Tabela que detalha o prejuízo de R$ 18 milhões que a gestão de Luciano de Castro causou à Comurg.
Entre outros, Krebs processa o atual presidente da ComurgLuciano de Castro, que ele acusa formalmente de “participar de quadrilha para lesar a estatal municipal em compra de peças superfaturadas”. Segundo o promotor, os processos que buscam a punição dos responsáveis pelo desvios dos R$ 570 milhões estão agora na dependência de decisões do Poder Judiciário.
Confira acusação de participação em quadrilha que o promotor Fernando Krebs faz contra Luciano de Castro!
Quadrilha na Comurg
Parte da ação de MP-GO que denuncia quadrilha à frente da gestão da Comurg em Goiânia.