sábado, 19 de abril de 2014

Com quase 6 mil pagantes, Vila Nova e Luverdense empatam sem gols no Serra

Com quase 6 mil pagantes, Vila Nova e Luverdense empatam sem gols no Serra


 

Com um bom público no Serra, o Vila Nova não passou de um empate sem gols com o Luverdense

O jogo começou com o Vila Nova tentando pressionar o Luverdense, tinha maior posse de bola e aproximava do gol com Marcelo Toscano e Rafael Oliveira. Com várias estreias em campo, o Vila sentiu a falta de ritmo e não conseguiu balançar as redes do goleiro Gabriel Leite. já o time de mato grosso que jogava recuado esperava boas chances pra tentar matar o jogo nos contra-ataques.
O segundo tempo iniciou com o panorama parecido porque mesmo com menor posse de bola, o Luverdense criava as melhores oportunidades. O Vila Nova tinha dificuldade para marcar principalmente as jogadas em velocidade do adversário. Misael perdeu uma ótima chance, aos 34, quando ganhou de Gabriel na velocidade e finalizou por cima da meta de Cleber Alves.
Misael deixou o campo, aos 24, para dar lugar a Fernando. O atacante se lesionou e precisou sair. O Vila Nova melhorou e apoiado por sua torcida, chegou a ensaiar uma pressão principalmente com cruzamentos para a área. No entanto, a partida terminou mesmo empatado sem gols.
TORCIDA DO LADO DE FORA
Mesmo com um bom público, ainda havia vários torcedores colorados do lado de fora do Serra Dourada por causa da falta de ingressos para a Partida, os que não conseguiram entrar foram embora chateados e culpando a diretoria do Vila Nova por falta de organização na venda dos ingressos.
FICHA TÉCNICA
VILA NOVA  0 x 0 LUVERDENSE
Renda: R$ 88.260,00. Público: 5.709 pagantes.
Local:   Estádio Serra Dourada, em Goiânia (GO)
Data: 18 de abril de 2014, sexta-feira
Horário: 19h30 (de Brasília)
Árbitro: Vinicius Furlan (SP)
Assistentes: Jose Araujo Sabino (DF) e Daniel Henrique da Silva Andrade (DF)
Cartões amarelos: Thiago Furlan (Vila Nova); Carlão e Fernando (Luverdense)
VILA NOVA: Cleber Alves; Raul Ângelo, Gabriel, Álvaro e Christiano; Gilmak, Radamés (Léo), Léo Rodrigues (Nenê Bonilha) e Marcelo Toscano; Gustavinho (Thiago Furlan) e Rafael Oliveira
Técnico: Sidney Moraes
LUVERDENSE: Gabriel Leite; Raul Prata, Renato, Braga e Edinho; Carlão, Gilson, Rubinho e Washington (Léo); Reinaldo (Lê) e Misael (Fernando)
Técnico: Júnior Rocha