terça-feira, 8 de abril de 2014

Marconi Perillo reúne equipe e cobra cumprimento de metas em todo o governo

Marconi Perillo reúne equipe e cobra cumprimento de metas em todo o governo


Governador não abre mão de reuniões constantes com sua equipe de trabalho

O governador Marconi Perillo (PSDB), alertou o secretariado a estar atento à Legislação Eleitoral, sob o argumento de que “podemos ser vítimas inclusive de muitas leviandades por se tratar do ano da eleição.” A reunião, realizada no Palácio Pedro Ludovico Teixeira, durou uma hora e contou com a presença de todos os secretários. Além do governador, falaram os secretários Leonardo Vilela, Gestão e Planejamento, José Carlos Siqueira, da Casa Civil e Alexandre Tocantins, procurador-geral do Estado.
Sobre o cumprimento do plano de governo, Marconi Perillo disse que o governo só termina em 31 de dezembro de 2014 e que está atento ao andamento do cronograma de entrega de obras. O governador pediu que os secretários o mantenham informado sobre os prazos de conclusão e entrega das obras e que sugiram datas para as inaugurações.
Mais uma vez, o governador deixou claro que o foco é a gestão pública, ao adiantar que só irá tratar de eleições em junho, período das convenções partidárias. Recomendou ao secretariado que se mantenha distante do processo eleitoral e que priorize apenas a agenda administrativa. Segundo ele, a hora é a de tratar de questões de governo e que o momento de cuidar de eleições virá ao seu tempo.
Em relação à execução do Orçamento do Estado, Marconi Perillo afirmou que é preciso encerrar o governo com “responsabilidade” e com as contas “rigorosamente em dia”.
O governador solicitou atenção aos gastos no último da administração, para que o próximo governador assuma em situação confortável para governar e não precise tomar medidas duras. “Não queremos ser chamados de perdulários, então vamos nos cercar de todos os cuidados para entregar as contas rigorosamente em dia”, disse ele.
Segundo o secretário-chefe da Casa Civil, José Carlos Siqueira, foi uma reunião de ajuste administrativo, uma adequação em alguma forma de trabalhar para que todos os resultados sejam alcançados. “O governador tem dito quase todos os dias para a sociedade que o foco deste governo é gestão e resultados, especialmente aqueles apresentados nas eleições de 2010.”
José Carlos Siqueira disse que foi abordada, também na reunião, a continuidade das obras, da qualificação e da prestação de serviços, além do resgate dos compromissos do plano de governo e dos outros projetos, porque a “sociedade é dinâmica e o governo também deve ser.”
O secretário da Casa Civil disse ainda que muito já foi feito, mas ainda há muito a fazer, e que “o esforço da equipe de governo é para que este muito a fazer seja efetivamente feito com qualidade e com o menor custo possível.”
José Carlos Siqueira afirmou ainda que, para cumprir o plano de governo, a Secretaria da Fazenda tem trabalhado com determinação no controle das despesas e que o equilíbrio fiscal é “uma premissa da atual administração.”