quinta-feira, 22 de maio de 2014

Dilma rasga elogios a Marconi Perillo em Anápolis e faz cara feia para a baixaria de Antônio Gomide



Dilma abraça Marconi

Gomide fica mal em Anápolis diante de Dilma. Marconi saiu por cima e ganhou abraço apertado da presidente.

O governador Marconi Perillo deu uma aula do que é ser um governante educado, maduro, preparado e verdadeiramente republicano diante da presidente república, Dilma Rousseff. Marconi foi vítima de uma armação que pretendia tumultuar o seu discurso na cerimônia de inauguração da Ferrovia Norte-Sul. O que a claque visivelmente instrumentalizada pela pré-campanha de Antônio Gomide (PT) não contava era com a categoria e o equilíbrio do governador Marconi Perillo.
Em visita a Anápolis para inaugurar a ferrovia Norte-Sul, nesta quinta-feira, a presidente Dilma Rousseff rasgou elogios ao governador Marconi Perillo(PSDB), que segundo ela tem se comportado de forma “republicana” e se esforçado para suplantar divergências político-partidárias em favor dos goianos. Dilma até fez uma crítica indireta ao ex-presidente Lula, ao dizer que o Brasil “mudou” e que esse tipo de parceria hoje acontece.
Veja o trecho do discurso dela:
“O Brasil mudou muito e hoje somos capazes de construir parcerias republicanas entre presidente e governador de partidos diferentes. Eu tenho que honrar todos os brasileiros e brasileiras. O governador, todos os goianos e goianas, independente de nossas preferências políticas, religiosas e futebolísticas. Acredito que esse é um sinal de maturidade do País, um sinal de avanço e que nós só conseguiremos resolver os problemas do País quando tiver os interesses do povo acima de tudo”.
Antônio Gomide está desesperado para cavar um espacinho na política goiana. Como ontem ele passou desapercebido no evento do Centro de Convenções, nesta quinta-feira sua equipe caprichou. Uma claque foi levada até o evento de Anápolis e esses menos cotados vaiaram a senadora Lúcia Vânia e o governador Marconi Perillo. Foi tão constrangedor que a presidente Dilma Rousseff não escondia o mal estar e fazia cara feia a cada vez que a turma de Gomide vaiava os tucanos.
A claque petista de Anápolis montada por Antônio Gomide deu um verdadeira vexame na solenidade de hoje. A turma tentou tumultuar o discurso do governador Marconi Perillo vaiando o tucano. A estratégia fracassou. Marconi não se intimidou e continuou a falar e a presidente Dilma faz cara feia para o gesto de deselegância da tropa petista. Marconi Perillo mostrou uma série de grandes obras que tem feito na cidade de Anápolis e fez Antônio Gomide concordar com um aceno de cabeça que ele, Marconi, é sim um grande parceiro da cidade de Anápolis independentemente de quem seja o prefeito da cidade.
Restou à claque se calar e respeitar o discurso do governador. No final da solenidade, Dilma se levantou e Gomide foi correndo em sua direção tentando forçar um contato mais íntimo. Ele quis até tentar abraçar a presidente, que se esquivou. Dilma está gripada e nem deve estar com muito saco para as estripulias de Gomide. Quem saiu com o filme queimado foi o próprio Gomide. No final, ele até tentou abraçar a presidente Dilma, mas ficou no vácuo. Quem ganhou abraço apertado mesmo foi Marconi Perillo.
Dilma não abraça Gomide