terça-feira, 1 de julho de 2014

Cantor de rap que anunciava assaltos e ameaçava PMs é assassinado


rap
Áulus Rincon
Marcos Vinícius Morais, 20, que semana passada foi detido após ter divulgado na internet um rap onde fala de assaltos no Setor Garavelo em Aparecida de Goiânia e ameaça Policiais Militares foi encontrado morto na manhã desta segunda-feira na “mata da macumba”, que fica no Bairro Samambaia em Goiânia. As primeiras informações indicam que ele foi assassinado com pelo menos dois tiros na cabeça.
Junto com Douglas César da costa, 20 e dois adolescentes de 17 anos cada, Marcos Vinícius aparece cantando um rap que diz, entre outras coisas, que “foi desempenho nota 10 da quadrilha em ação/ é que o colete tá (sic) no peito e a pistola na mão / nós que comanda (sic) o Garavelo/ de pistola em punho/ bota os policia (sic) pra vazar, explode as viatura (sic)”. No último dia 25, os quatro jovens foram levados para o 4º Distrito Policial e indiciados por incitação ao crime acabaram liberados logo após prestarem depoimento.
No local onde Marcos Vinícius foi encontrado na manhã de hoje os bombeiros socorreram ainda um segundo jovem, também baleado na cabeça e que permanece internado em estado grave no Hugo. A polícia ainda não sabe se este rapaz seria algum dos outros três jovens que aparecem cantando o rap com Marcos.