sexta-feira, 18 de julho de 2014

Escândalo na gestão PT/PMDB em Goiânia. Adolescente perde o bebê por falta de atendimento e corpo é devolvido enrolado em jornal



Bebê no jornal

O inaceitável acontece em unidade de saúde da Prefeitura de Goiânia. Materinade Dona Iris entrega o corpo de bebê enrolado em jornal

Uma adolescente de 15 anos perde o bebê após procurar atendimento no posto de saúde do setor Crimeia Oeste. A unidade gerida pelo Governo PT/PMDB se recusou a fazer o pré-natal da jovem porque ela não tinha documento de identidade. Um total absurdo!!! Ainda surgiram outras burocracias que atrasaram o atendimento médico à jovem e ela só descobriu que havia perdido o bebê quando foi consultada na Maternidade Dona Iris.
Quando se trata da saúde municipal de Goiânia, todos os absurdos podem ocorrer. A adolescente que perdeu o bebê por falta de um acompanhamento de pré-natal na rede de saúde de Paulo Garcia ainda teve que superar outro trauma. Ela e a família receberam o bebê morto embrulhado num papel de jornal. Isso mesmo que você leu: a criancinha morta foi entregue à família envolta num jornal.
A TV Anhanguera está de cima deste escândalo e fez link ao vivo da porta da prefeitura exigir uma explicação das autoridades .A sociedade exige uma resposta do prefeito Paulo Garcia (PT).
Assista as matérias da TV Anhanguera!