segunda-feira, 12 de janeiro de 2015

Palestinos declaram apoio às vítimas dos atentados na França


ramallahmainfestacaofrancareutersmohamad-torokman
AFP – Dezenas de palestinos se manifestaram neste domingo em Ramallah, sede da Autoridade Palestina na Cisjordânia, em solidariedade com aFrança depois dos atentados que deixaram 17 mortos em Paris.
Sob o slogan “A Palestina se solidariza com a França contra o terrorismo”, dezenas de pessoas agitaram bandeiras francesas e palestinas, em uma manifestação na qual participaram jornalistas e dirigentes na principal praça de Ramallah.
O presidente da Autoridade Palestina, Mahmoud Abas, viajou a Paris para participar, ao lado de 60 líderes mundiais, em uma “Marcha Republicana” contra os atentados.
Em Ramallah, os manifestantes também exibiram cartazes “Eu sou Charlie” (em francês, “Je Suis Charlie”), escrito em árabe. Na Faixa de Gaza está programada uma vigília com velas diante do Centro Cultural Francês, atingido há pouco por um ataque com bombas que foi reivindicado por jihadistas.
No sábado, o movimento islamita palestino Hamas já havia condenado o atentado jihadista contra a revista francesa Charlie Hebdo que matou 12 pessoas.
“O Hamas condena as agressões contra a revista Charlie Hebdo e insiste no fato de que a diferença de opiniões e de pensamento não pode justificar a morte”, afirmava o comunicado oficial escrito em francês.