quinta-feira, 26 de fevereiro de 2015

Agetop desmente informação de que Autódromo de Goiânia passaria a se chamar Ary Valadão



Autódromo de Goiânia

O nome do Autódromo Internacional de Goiânia continuará como Ayrton Senna

Agência Goiana de Transportes e Obras (Agetop) desmentiu, na tarde desta quarta-feira (25/2), boatos de que o Autódromo Internacional de Goiânia Ayrton Senna teria seu nome alterado.
Foi divulgado em alguns veículos de comunicação de que, supostamente, oautódromo de Goiânia  se chamaria “Ary Valadão”, em homenagem ao ex-governador de Goiás.
No texto, a agência explica que que, de acordo com a Lei Nº 13.468, de 27/julho/1999, publicada no Diário Oficial de 5/8/1999, “não existe oficialmente a possibilidade de conceder, ao ex-governador Ary Valadão, o nome do Autódromo de Goiânia”.
“Conforme decretado, é proibido atribuir nome de pessoa viva, a prédios públicos da administração pública direta ou indireta. No caso de concessão da homenagem de que trata esta Lei, conforme Parágrafo único, é obrigatória a juntada de competente atestado de óbito”, finalizam.
Veja a nota na íntegra abaixo:
Comunicamos que, tendo em vista a Lei Nº 13.468, de 27/julho/1999, publicada no Diário Oficial de 05/08/199, que dispõe sobre a denominação de logradouros, obras, serviços e monumentos públicos, não existe oficialmente a possibilidade de conceder, ao ex-governador Ary Valadão, o nome do Autódromo de Goiânia. Conforme decretado, é proibido atribuir nome de pessoa viva, a prédios públicos da administração pública direta ou indireta. No caso de concessão da homenagem de que trata esta Lei, conforme Parágrafo único, é obrigatória a juntada de competente atestado de óbito.