segunda-feira, 16 de março de 2015

Fundo Postalis: novo escândalo nacional deve afundar Renan e Lobão



Postalis 1

Escândalo nos fundos de pensão deve assolar grande parte do PIB político de Brasília

O colunista Mino Pedrosa revela que a Polícia Federal trabalha forte no sentido de desvendar mais um grande escândalo na política nacional. Edson Lobão e Renan Calheiros estariam no olho do furacão que deve sacudir Brasília mais uma vez. O PMDB, principal aliado dos governos Lula e Dilma, deve se afundar de vez quando a PF revelar o rombo nos fundos de pensão. O principal deles é o Fundo Postalis dos trabalhadores dos Correios. 
Confira a matéria veiculada na página do jornalista Mino Pedrosa!
Polícia Federal já trabalha o escândalo nos fundos de pensão que esta por vir. O material que aponta desvios no fundo Postalis dos trabalhadores dos Correios já revela a participação de caciques renomados no PMDB. Também trás o nome do doleiro operador Fayed Traboulse.
 O organograma montado por investigadores da PF trás o nome do ministroEdson Lobão e o presidente do Congresso Nacional, Renan Calheiros. O dossiê que embasou os delegados da força tarefa que trabalham o fundo Postalis chegou as mãos desta coluna com exclusividade por ter revelado um fato cinematográfico flagrado pela PF no lago Paranoá em Brasília entre Fayed Traboulse e o filho do ministro, Edson Lobão, Luciano Lobão, durante aoperação Miquéas, que investigava fundos de pensão.
Esta coluna revelou com exclusividade que a festa na lancha do doleiro Fayed foi abastecida de bebidas por um helicóptero suspeito de ser de propriedade do filho do então ministro das Minas e Energia, Edson Lobão, Luciano, que participava da festa com outros convidados do doleiro.
 Veja a baixo, parte do dossiê investigado pela Polícia Federal.

Postalis 1

Postalis 2


Postalis 3