terça-feira, 16 de junho de 2015

Marconi confirma: o HUGOL, maior hospital de centro-norte do Brasil será entregue em tempo recorde

O Hugol será o hospital mais moderno e sustentável do Brasil Central

Prestes a entregar à população goiana o maior hospital da região Centro-Norte do país e se transformar no governador da história de Goiás que mais fez pela saúde no estado, o governador Marconi Perillovistoriou, na tarde de hoje, a finalização da obra do Hospital de Urgências Governador Otávio Lage de Siqueira (Hugol). Com data marcada de inauguração para o dia 6 de julho, o Hugol terá levado 25 meses para ficar pronto. De acordo com o governador e o presidente da Agência Goiana de Transportes e Obras (Agetop), Jayme Rincón, o tempo de execução da obra é recorde comparado ao de qualquer outra obra pública ou privada de mesma dimensão.
A extensão do hospital é de 71.165 metros quadrados. “Equivale ao tamanho de quatro grandes prédios. Não se faz, no Brasil, uma obra deste porte em um tempo tão curto”, explicou Rincón. Antes de vistoriar o Hugol, o governador reuniu no auditório do hospital auxiliares do primeiro escalão do governo, deputados federais, estaduais, vereadores, ex-secretários de saúde e toda a equipe responsável pela obra que o acompanharam na visita, para fazer agradecimentos.
Marconi agradeceu à Agetop, à construtora Porto Belo, e à Organização Social AGIR, responsável pela administração do hospital, em nome do diretor do Hugol, Dr. Hélio Ponciano Trevenzol, e a toda a equipe da Secretaria Estadual de Saúde (SES). “Quero expressar todo meu carinho e reconhecimento a todos os envolvidos diretamente na execução desta grande obra em um tempo tão curto, recorde. Agradeço pelo empenho, dedicação e comprometimento de cada um”, declarou.
Ele informou que a visita era a primeira de seis que serão feitas com segmentos até a data de inauguração do hospital. Uma delas será com a imprensa goiana. Pouco antes de vistoriar cada ala do Hugol, Marconi e comitiva assistiram a um vídeo com imagens e informações sobre o hospital.
Hugol
Cada metro quadrado do hospital custou R$ 2,3 mil ao governo estadual. O custo mensal da manutenção será de R$ 15 milhões. O quadro de funcionários totaliza três mil pessoas, sendo 450 médicos. O hospital possui 510 leitos e 21 salas de cirurgia; uma ala foi montada para atender a pessoas vítimas de queimaduras. O complexo possui heliponto, refeitório e mil vagas para estacionamento. O Hugol será o hospital mais moderno e sustentável do Brasil Central.Acompanharam o governador, ainda, o secretário estadual de Saúde, Leonardo Vilela, e os ex-secretários Antônio Faleiros e Halim Girade, dentre outras autoridades.
HUGOL, o maior e melhor hospital de urgências emergências do Brasil Central
O HUGOL é o maior e melhor hospital de urgência e emergência do Centro-Norte do Brasil