quarta-feira, 9 de dezembro de 2015

Marconi atrai mais quatro grandes empresas para Goiás. Serão R$ 325 milhões em investimentos.


Pelo menos mais 5.000 novos empregos serão gerados em Goiás só com a instalação dessas novas empresas

Em uma manhã de atividades voltadas ao empreendedorismo e a novos investimentos no Estado, ogovernador Marconi Perillo assinou, em solenidade no 10º andar do Palácio Pedro Ludovico Teixeira, protocolo de intenções com quatro empresas que investirão, juntas, cerca de R$ 325 milhões em Goiás a partir do próximo ano. Além do incremento na receita, e de impulsionar mais ainda o dinamismo da economia goiana, conforme observou Marconi, as empresas gerarão, ainda, 5.020 novas vagas de emprego.
A Solis Solutions, unidade industrial que será instalada em Jataí, produzirá painéis solares e de soluções técnicas para o setor de energias renováveis. O governador ressaltou que a vinda definitiva de um projeto de energia solar tem um significado muito especial, pois Goiás já é um grande produtor de energia renovável. “Nós produzimos em rios, lagos e interiores e nas divisas, 10 mil megawatts de energia hidroelétrica; cerca de mil megawatts de energia produzida a partir do bagaço da cana. Somos o segundo maior produtor de cana-de-açúcar, o segundo maior produtor de etanol do país. Temos inúmeras usinas de biocombustível e estamos partindo, em Goianésia, para um consórcio de biomassa, bagaço da cana, com a geração solar, e agora recebemos esse projeto tão importante de energia solar em Jataí”, afirmou.
A Solis investirá R$ 250 milhões e gerará 3 mil empregos, diretos e indiretos. Sócio-proprietário da empresa, James Rojas Waterhouse agradeceu o governador pela receptividade, e à equipe de governo pelo profissionalismo e agilidade com que trataram do processo para formalização do protocolo de intenções. “Nunca vi uma harmonia tão grande e um tempo de maturação tão recorde como o que demandou esse processo. Em Goiás, o partido político se chama Estado”, disse James, em referência ao esforço conjunto entre o governo estadual, os empresários e as prefeituras cujos municípios receberão as empresas.
A Água Mineral Bom Jesus, empreendimento da Brasal, será instalada em Luziânia. Fará investimentos de R$ 46,9 milhões e gerará 80 novos empregos, diretos e indiretos. A Data Vison, que será instalada em Aparecida de Goiânia, fabricará equipamentos de sinalização e alarme, investirá R$ 5,2 milhões e gerará 160 novos empregos. A farmacêutica Bifarma, atacadista de fármacos e cosméticos, ainda está definindo o local de instalação. A empresa investirá R$ 22,5 milhões e prevê gerar 450 empregos diretos e 1.350 indiretos.
“Esse esforço todo é importante em um momento de crise. Acreditar em nós em um momento de crise como esse e investir essa quantia considerável que firmamos hoje é muito significante. Se somarmos os outros investimentos que tivemos ao longo do ano, vamos chegar à cifra de alguns bilhões investidos em Goiás”, observou o governador, que também destacou o crescimento do PIB em Goiás nos últimos anos.
“Quando analisamos o ranking do PIB nos últimos anos, se considerarmos apenas de 2005 a 2013, nosso PIB cresceu exatamente R$ 101 bilhões. Nos últimos três anos, R$ 45 bilhões. Deveremos chegar ao final deste ano a cerca de R$ 170 bilhões de PIB, com superávit exportador enorme, uma balança comercial de R$ 8 bilhões, liderança em vários rankings, crescimento fortíssimo em empregos, apesar da recessão. Crescimento muito grande na industrialização e na diversificação da nossa economia”, ressaltou.
Em seguida, dirigiu-se aos representantes das empresas: “Vocês chegam para trazer sopros novos, para trazerem energias novas, mais dinamismo à nossa economia. Nós respondemos dando a vocês segurança jurídica, diminuindo a burocracia do Estado, trabalhando com profissionalismo, com atenção, com respeito. Goiás, mais uma vez, mostra que é possível ser otimista em um cenário de crise”, afirmou, acrescentando que mais cedo participara de uma reunião para a oficialização da compra, pela empresafrancesa Coty, da parte de cosméticos da Hypermarcas, transação que sinaliza mais investimentos ainda para Goiás.
O prefeito de Jataí, Humberto Machado (PMDB), discursou em nome dos prefeitos presentes. Ele agradeceu a Marconi pelo esforço em atender à demanda por investimentos no município, e lembrou-se da política de incentivos fiscais praticada pelo governo estadual, que possibilita atração de indústrias e investimentos vultosos ao Estado. O vice-governador, José Eliton, lembrou que já no início do ano Marconi tomou as medidas necessárias para garantir a competitividade do Estado e o crescimento dos indicadores econômicos, a partir da reforma administrativa e do ajuste fiscal realizados.
Fonte:Goiás247