terça-feira, 31 de maio de 2016

ARQUIVADA A BABOSEIRA DO DEPUTADO MAJOR ARAÚJO SOBRE IMPEACHMENT

Arquivado pedido de Major Araújo

Nem os deputados da oposição deram ouvidos a loucura de Major Araújo sobre impeachment de Marconi

A baboseira que o deputado estadual Major Araújo (PRP), partido comandado em Goiás pelo inimigo declarado do governador Marconi Perillo, Jorcelino Braga, alimentou em sua mente transbordante de ódio chegou ao fim. Major Araújo queria porque queria que Marconi Perillo sofresse impeachment pelos mesmo motivos da presidente Dilma Rousseff. O presidente da Assembleia Legislativa, deputado Helio de Sousa (PSDB), anunciou em Plenário, na sessão ordinária dessa segunda-feira, 30, que o pedido de impeachment contra o governador de Goiás, Marconi Perillo (PSDB), impetrado pelo deputado Major Araújo (PRP) foi rejeitado por ele. Nem mesmo os demais deputados da oposição na Assembleia Legislativa de Goiás deram ouvidos a loucura do deputado Major Araújo e o abandonaram na sua viagem na maionese.
Helio de Sousa, assessorado pela Procuradoria da Assembleia Legislativa, entendeu que os três supostos crimes de responsabilidade apontados pelo denunciante tratam-se de meras suposições, sem embasamento material. O presidente argumentou ainda que as denúncias versam sobre supostos episódios que ocorreram em outros mandatos, e não no atual, e que por isso não podem ser considerados.
Cabe ao presidente da Assembleia Legislativa, assim como ao presidente da Câmara Federal e das Câmaras Municipais, aceitar ou rejeitar pedido de impedimento contra os respectivos representantes do Poder Executivo. A decisão, discorre o Agravo Regimental nº 30.672, de autoria do Ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Ricardo Lewandowski, “não se restringe a uma admissão meramente burocrática, cabendo-lhe, inclusive, a faculdade de rejeitá-la, de plano, caso entendam ser patentemente inepta ou despida de justa causa”.